quarta-feira, 10 de dezembro de 2014

2014: O ANO DA SELFIE

Caso você ainda não tenha percebido, este foi o ano da selfie.
O termo em inglês faz referência aos autorretratos. Na prática, a palavra surgiu em 2012 e, no ano passado, foi eleita a palavra do ano pelo Dicionário Oxford da língua inglesa.
Mas, neste ano, sua popularidade decolou de vez. O termo foi mencionado 92 milhões de vezes no Twitter neste ano, 500% a mais do que em 2013.
Além disso, uma selfie se tornou o post mais republicado na história Twitter.
A foto feita pela apresentadora Ellen Degeneres no Oscar, onde apareciam diversas celebridades de Hollywood, foi retuitada 1 milhão de vezes na primeira hora em que estava no ar.
Até hoje, já foi republicada mais de 3,3 milhões de vezes.
Foto do ano:
A imagem também foi considerada a foto do ano pela revista Time.
"A audiência para fotos vem crescendo espantadoramente graças à internet e aos smartphones", disse a revista.
"Fotos viajam muito rápido por diferentes plataformas, atingindo milhões de pessoas em questão de segundos. E isso ficou evidente na foto feita por Ellen DeGeneres."
Também neste ano, a Copa do Mundo foi o evento mais falado no Twitter, com 672 milhões de tuítes comentando o campeonato.
Mesmo no Mundial, a selfie fez-se fortemente presente.
A foto tirada pelo jogador alemão Lukas Podolski junto com a chanceler Angela Merkel durante a celebração do título da seleção do país foi uma das fotos mais populares da rede social.
"A loucura em torno da selfie continua e não dá sinais de que esteja perdendo força", disse Lewis Wiltshire, diretor de parcerias de mídia do Twitter no Reino Unido, ao jornal The Daily Mail.
Por isso, se você estiver cansado da mania do autorretrato, assim como muitas pessoas, respire fundo: 2015 vem aí e, junto com o novo ano, uma enchurrada de selfies nas redes sociais.
*Do Terra/Variedades

MORREU EM EUNAPOLIS, A CRIANÇA DE 7 ANOS QUE HAVIA SIDO PICADA POR ESCORPIÃO

Uma menina de sete anos morreu após ser picada por um escorpião em Eunápolis. De acordo com a mãe da criança, a Sra. Leiliane Custino da Silva, o caso ocorreu após a filha dela abrir o guarda-roupa e se deparar com o bicho. Ao ser picada, Gilse da Silva Barreto foi levada para o Hospital Regional de Eunápolis, mas não resistiu e morreu no domingo (7). O sepultamento aconteceu na segunda-feira (8).
“Ela foi pegar a roupa da escola no guarda-roupa para eu lavar. Quando abriu, o escorpião subiu no braço dela e picou. Depois subiu mais e picou de novo. Na hora ela gritou de dor, a gente colocou ela no carro e levou para o hospital. Estava vomitando muito, sangrando e sentindo dor. Chegando lá o médico tentou salvar, mas não teve jeito”.
Leilane também contou à reportagem do G1, que ela mesma matou o escorpião que picou a garota e que é comum encontrarem esses bichos no bairro. “Direto eu mato escorpião em casa. Hoje mesmo matei um. Tem um entulho aqui perto e eu acho que vem de lá. A gente está com medo e tem que dormir com a luz acesa”.
Com a morte da filha, ela conta que teme a segurança dos outros quatro filhos, de 3, 4, 7 e 9 anos. “Estamos sofrendo muito. Meu marido está chorando aqui. Ainda vai levar muito tempo para a gente se recuperar”.
De a cordo com a médica Carli Ventura, que trabalha no Centro de Informações Antiveneno (Ciave) do Hospital Roberto Santos, em Salvador, a picada de um escorpião, de qualquer espécie, é sempre dolorosa. Carli destaca que o quadro da picada do escorpião é de congestão cardíaca, e precisa de atuação imediata, especialmente em crianças abaixo dos 7 anos e idosos. Ela acrescenta que o quadro se instala em no máximo 6 horas e, por isso, o socorro rápido é importante.
*Com informações do G1/Ba.

segunda-feira, 8 de dezembro de 2014

COM O CORAÇÃO NA “TERRINHA”, BAIANOS REALIZAM EM SÃO PAULO A 9ª CAMPANHA DE NATAL “100% JACARECI”

Pelo 9º ano consecutivo, os baianos do Distrito de Jacareci que residem no sudeste, se reuniram em São Paulo para participar de mais confraternização natalina com a Ação Entre Amigos denominada “100% Jacareci”.
Organizadores da Ação Beneficente 
Movidos de paixão pela terra natal, centenas de conterrâneos se encontraram para relembrar antigas experiências, comemorar o fim de mais um ano de suas conquistas e espontaneamente partilhar seus resultados pessoais com uma simbólica contribuição financeira que ao final de todo encontro é destinada para ação de solidariedade no distrito, beneficiando com cestas básicas, dezenas de famílias de Jacareci, que são gentilmente selecionadas pelos líderes da igreja católica na pequena localidade.
O evento que se tornou uma declaração de amor a localidade de origem dos participantes, também já virou calendário dos baianos. Sempre no segundo domingo do mês de dezembro, os amigos do mesmo lugar que há anos residem em cidades dos Estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Santa Catarina se mobilizam e em grupos de solteiros ou em família, viajam de suas cidades para se reunir no bairro de Jd. Regis, em Interlagos. Somente para fazer parte da alegria do reencontro.

Desde que foi criado em 2006, o principal motivo da Campanha de natal foi partilhar com pessoas humildes do distrito, um pouco do sucesso e das conquistas de cada pessoa de lá que migrou para as cidades grandes com o propósito de adquirir maiores conquistas e assim vem sendo. Mais outro elemento ainda tornou esse acontecimento maior: o prazer de estar reunido entre amigos de longa data, para reviver histórias e emoções da infância no pequeno lugarejo. Assim, já aconteceram memoráveis e inesquecíveis reencontros de pessoas que não se viam e nem se falavam há décadas. Uma emoção à parte e inesquecível.
Organizado por um grupo de voluntários jacarecienses que viabilizam a estrutura de barracas, alimentação, som e comida, a ação é mantida por contribuições maiores dos envolvidos na organização e o apoio de diversas pessoas simpatizantes. Além de muita cerveja – que os próprios participantes se encarregam de doar.
Este ano, o 100% Jacareci, ganhou mais um ingrediente que enriqueceu a tarde do domingo 7 de dezembro. Sob o sol forte, muita cerveja, churrasco e gente animada que tomava a praça da conhecida Vila Cheba, um grupo de músicos convidado ainda fez a alegria da galera com um pocket show ao vivo que comandou a alegria da turma até o por do sol.


Essa mesma alegria e em numero ainda maior, vai se repetir no mês de junho de 2015, quando acontecerá a Festa de 15 anos do “Forró da Bahia em São Paulo”, o evento que originou todos os reencontros da colônia de Jacareci na capital paulista.
*Texto e Foto: Colaboração de Dodô Ivan Nilton.

PRISÃO DE HOMICIDA, DEIXA CAMACÃ ASSUSTADA

O Município de Camacã viveu um dia de tensão nesse começo de semana. Segundo informações divulgadas, em retaliação à prisão do homicida Ricardo Santos Rezende, apelidado de Cal,casas e carros foram incendiados neste domingo, dia 7.

De acordo com o comandante da PM em Camacan, major Rodrigues de Castro, Cal tinha contra si mandado de prisão e é suspeito de matar um idoso e uma indígena. Cal e o irmão “Veni” são apontados como autores de vários crimes no município. Veni está foragido.
Os policiais montaram cerco à casa de Cal ontem à noite e negociaram para que o bandido se entregasse. Com a resistência, os policiais decidiram invadir o imóvel, prendendo-o em seguida.
Conforme o comando da Polícia Militar, familiares do bandidos, descontentes com a prisão de Cal, iniciaram ofensiva incendiando, pelo menos, cinco casas. Carros também foram incendiados ou apedrejados entre a madrugada e o final da tarde deste domingo.

O policiamento no Bairro da Gameleira foi reforçado por causa do aumento da tensão. O bandido foi levado para o Complexo Policial de Camacan. A polícia ainda decidirá para onde encaminhar o bandido, se Itabuna ou Feira de Santana.

*Com informações do Pimenta na Muqueca. 

MESMO SE SAIR DO COMANDO TÉCNICO, TREINADOR DO BAHIA PRETENDE FICAR NO CLUBE

O técnico Charles Fabian não conseguiu salvar o Bahia do rebaixamento para a Série B. Efetivado depois da demissão de Gilson Kleina, a sua campanha não foi suficiente para ultrapassar os adversários, e equipe terminou na 18ª posição. Agora, o planejamento mira o retorno à elite em 2015, e o treinador quer permanecer no clube, mesmo que em outro cargo.


"Eu estou no Bahia em qualquer situação e em qualquer divisão. Se as pessoas que entrarem quiserem minha permanência, eu vou ter muito orgulho. Fico muito feliz de tudo que vivi com a camisa do Bahia. Isso tudo tem que ser conversado, mas minha intenção é permanecer no Bahia", afirmou Charles.
Antes da contratação de Gilson Kleina, Charles ficou por três rodadas no comando e foi cotado para ser o treinador, mas a diretoria preferiu trazer o ex-Palmeiras. Mesmo assim, ele nega qualquer mágoa com a opção da diretoria e afirmou que entende o sentimento de tristeza do torcedor, após mais um rebaixamento.
"É complicado falar. Você só pode tomar uma decisão: ou você contrata ou mantém. Claro que minha vontade era continuar, mas sempre respeitei. Só posso pedir desculpas à torcida do Bahia. Ela não merece que o Bahia passe por isso e me incluo nisso. Sei da magoa do torcedor porque sou torcedor do Bahia, e meu sentimento é o mesmo da torcida", completou o treinador e torcedor. No próximo final de semana, o Bahia irá eleger o próximo presidente, o que deve ter peso fundamental na permanência ou não de Charles Fabian. 

*Fonte: Correio