quarta-feira, 15 de outubro de 2014

terça-feira, 14 de outubro de 2014

TIME BAIANO BOTA A MULHERADA EM CAMPO E DE GRAÇA !

Mais uma vez o Vitória da Bahia  entra em campo com  uma campanha de responsabilidade social. Dessa vez, será em homenagem ao 'Outubro Rosa', campanha que busca conscientizar a população contra o câncer de mama, as mulheres que forem ao Barradão para assistir ao jogo decisivo entre Vitória x Atlético Nacional (COL), nesta quinta-feira, 16, às 19h15, não pagarão por ingressos.

Para o presidente do clube, Carlos Falcão, "Essa é uma forma de homenagear as mulheres rubro-negras e celebrar o Outubro Rosa, um movimento importante no combate ao câncer de mama".
Com mais essa iniciativa o Vitória ganha mais um destaque na mídia baiana e conquista a simpatia de novos torcedores. 
 *Com informações do site do clube.

FUNCIONÁRIOS DO BANCO NORDESTE VOLTAM AO TRABALHO

Os funcionários do Banco do Nordeste (BNB) decidiram voltar ao trabalho depois de 13 dias em greve. Os empregados do BNB eram os únicos bancários que ainda estavam com as atividades paradas. A Caixa Econômica Federal, que também não aceitou a primeira oferta e seguiu em greve com o BNB, encerrou a paralisação em 7 de outubro. 
O acordo feito define reajuste salarial de  8,5%, além de 9% no piso, 12,2% no tíquete alimentação e 8,5% na participação nos lucros.
Entenda a greve - Os bancários entraram em greve por tempo indeterminado na última terça-feira (30). Além da Bahia, outros 20 estados também tinham resolvido paralisar as atividades.  

No total, houve sete rodadas de negociação com a Fenaban sem avanços considerados significativos pela categoria. Os bancos ofereciam reajuste de 7%, mas os trabalhadores queriam 12,5%, que segundo eles representa 5,4% de aumento real do salário. 
De acordo com as informações, os trabalhadores também pediam piso salarial de R$ 2.979,25. Entre outras reivindicações, como fim das metas, consideradas abusivas, combate ao assédio moral e isonomia de direitos para afastados por motivo de saúde.
O Comando Nacional dos Bancários já havia se posicionado contra a proposta de reajuste salarial na sexta-feira (26), mas incentivou os 134 sindicatos que representa no País a convocarem assembleias e votarem sobre o assunto. Com o slogan “Queremos Mais”, orientou os associados a rejeitarem a proposta. *Do Correio 

segunda-feira, 13 de outubro de 2014

EMPRÉSTIMO CONSIGNADO TERÁ MAIOR PRAZO PARA PAGAR

Recentemente, o governo ampliou o prazo de pagamento do crédito consignado para aposentados, pensionistas e servidores públicos federais. 
No caso de aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), o número máximo de parcelas passou de 60 a 72, valendo para desconto em folha ou cartão de crédito. Para servidores, o período aumentou de 60 para 96 meses. Segundo economista ouvido pela Agência Brasil, a medida tem um viés positivo, pois o prazo maior permite diminuir o valor da prestação. Mas os contemplados devem saber administrar o benefício, alerta.  
“O efeito positivo é que permite uma folga no valor do desconto do consignado. A pessoa pode transformar o empréstimo atual em um mais longo e, assim, suavizar seu orçamento mensal. Por outro lado, o comprometimento da renda diminui e aumenta o espaço para contrair novos empréstimos. Então aumenta o montante total da dívida. Esse é o risco implícito nessa operação”, analisa o economista Gilberto Braga, professor de Finanças do Instituto Brasileiro de Mercado de Capitais (Ibmec).  

“O servidor não deve tomar a decisão [de fazer um empréstimo consignado] pelo valor da prestação, e sim pelo que realmente precisa para resolver uma situação emergencial. O ideal, se puder, é reduzir o número de prestações, para reduzir o valor dos juros e também para diminuir o tempo que o servidor ou aposentado fica preso à obrigação”, aconselha. *Fonte: Correio do Estado 

ACESSO ÀS REDES SOCIAIS AJUDAM NO RELACIONAMENTO

Os pais dos jovens que viveram antes da internet não sabiam muito bem o que seus filhos compartilhavam, o que os amigos deles pensavam e, às vezes, nem por onde os adolescentes andavam. Com a tecnologia e as redes sociais, a convivência familiar ficou mais estreita. Além de aproximar quem está longe, as ferramentas permitem conhecer um pouco mais do universo de cada um. 
Pelo Facebook, por exemplo, alguns pais têm uma ideia melhor do que se passa na vida e na cabeça dos filhos. "Através das postagens, conheço suas ideologias, seus pensamentos e o que acontece no seu entorno. As vontades e os desejos dela aparecem nas entrelinhas do que ela compartilha e comenta", diz a empresária Érica Marques, atuante na área de marketing digital, acerca do comportamento de sua filha Piettra Marques Rebelo, 16 anos, que criou o perfil na rede social há quatro anos com o aval da mãe. 

A psicóloga Mariana Matos, professora de cursos de extensão sobre novas tecnologias e relacionamentos da PUC-Rio (Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro), acredita que as redes sociais apenas reforçam mudanças na família que já vinham acontecendo. "Antes dessas tecnologias, já havia uma abertura maior para o diálogo, as relações se tornaram mais íntimas e as crianças ganharam importância e participação na vida da família", explica. 
Mas se antes bastava o adolescente fechar a porta do quarto para se isolar, hoje, isso já não é mais suficiente. "Existem tantos meios de contato que é normal os pais terem mais acesso ao que os filhos pensam, com quem se relacionam e perceber se há algum problema", observa Mariana. 
Para o psicólogo Gonzalo Bacigalupe, professor do programa de Terapia Familiar da Universidade de Massachusetts, em Boston, nos Estados Unidos, uma das vantagens da tecnologia, como celulares e redes sociais, no cotidiano familiar é a possibilidade de maior participação no dia a dia mesmo à distância. "Isso permite que as pessoas tomem decisões em colaboração com as outras", destaca. *Do Uol. 

sábado, 11 de outubro de 2014

7 ANOS DEPOIS DE CRIADA A LEI SECA, 45% DE REDUÇÃO DE ACIDENTES

Sete anos depois de aprovada a Lei Seca, pesquisa do Ministério da Saúde mostra que a frequência com que adultos dirigem depois de consumir álcool abusivamente caiu 45%. O índice passou de 2%, em 2007, para 1,1%, em 2013.
O impacto da nova legislação foi mais forte entre os homens, onde a queda chegou a 47%. De 4%, em 2007, para 2,1%, em 2013. Já entre as mulheres, o percentual se manteve estável em 0,3%. Os dados são da pesquisa Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel) , que entrevistou 52,9 mil pessoas maiores de 18 anos no ano passado. No Brasil, a violência no trânsito é uma das principais causas de morte. Em 2012, 44.812 mil pessoas perderam a vida no trânsito. Para inibir o consumo de bebidas alcoólicas antes de dirigir, em 2012 o governo federal sancionou e tornou mais rígida a Lei 12.760 de 1997, conhecida como Lei Seca.
A medida autoriza o uso de testemunhos, exame clínico, imagens e vídeos, como meios de provas para confirmar a embriaguez de motoristas. Quem for pego dirigindo embriagado ou que tenha usado outra substância psicoativa terá a Carteira Nacional de Habilitação recolhida e o veículo retido. O motorista está sujeito à multa, no valor de R$ 1.915,40, e à suspensão do direito de dirigir por 12 meses. Em caso de reincidência a o valor da multa será o dobro.

*Fonte: Agência Brasil 

sexta-feira, 10 de outubro de 2014

ACENDEU A LUZ DE ALERTA CONTRA O EBOLA NO BRASIL

*Do Editor do Blog
Como já se havia planejado diversas ações para a possível entrada do vírus da doença que está devastando território africano, o Ebola. Nesta sexta-feira (10), foi dada a largada na corrida das organizações de saúde brasileira, que vão adotar os procedimentos necessários para coibir a entrada e permanência da doença no Brasil. As autoridades sanitárias brasileiras investigam o primeiro caso suspeito de ebola no País. O  primeiro caso suspeito foi apontado no município de Cascavel, no interior do Paraná e logo comunicado pela secretaria Estadual do Paraná ao Ministério da Saúde.

Após passar uma noite em isolamento e observação ainda no Paraná, na manhã desta sexta-feira, o paciente que apresenta sintomas, foi transferido para o Estado do Rio de Janeiro em forte esquema de segurança sanitária, onde ficará internado aos cuidados da Fiocruz, de onde sairão os exames finais de resposta positiva ou negativa sobre a possível contaminação do vírus.
Também na manhã de sexta, o Ministro da Saúde e o Secretário de Vigilância Sanitária do Brasil passaram horas concedendo entrevistas em rede nacional para esclarecer e responder perguntas de diversas agências de noticias.
Em resposta, o ministro disse que o governo tem condições de fazer o controle exato para coibir a proliferação da doença e que a população pode ficar tranquila quanto aos cuidados que serão adotados para orientar todo povo brasileiro, sem alarme. “Todas as medidas de isolamento foram adequadas de acordo com os protocolos da Organização Mundial de Saúde”. Afirmou.  


Informações preliminares indicam que o paciente veio de Conacre, capital da Guiné. O paciente foi encaminhado para um hospital de referência e material foi coletado para fazer o exames. A expectativa é a de que amanhã, sábado, as amostras que já foram colhidas no Instituto Evandro Chagas (RJ),  já seja resultado da análise que possa confirmar se o paciente é ou não portador da doença. A notícia ocorre no mesmo dia em que o Secretário de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, Jarbas Barbosa, afirmar que, embora baixo, existia o risco de o Brasil registrar um caso da doença. 

LIBERADA A CONSULTA AO 5º LOTE DE RESTITUIÇÃO DO IR 2014

A Secretaria da Receita Federal abriu nesta quarta-feira (8), a partir das 9h, as consultas ao 5º lote de restituições do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) de 2014, além de lotes residuais de anos anteriores (para quem caiu na malha fina).

As consultas podem ser feitas no site da Receita.
Também podem ser feitas pelo telefone 146 (opção 3) ou por aplicativo para dispositivos móveis (smartphones e tablets).
Os valores das restituições serão pagos em 15 de outubro.

Valores e número de contribuintes - Segundo o Fisco, o quinto lote do IR 2014 pagará R$ 2,11 bilhões em restituições para 2 milhões de contribuintes.
Considerando os valores dos lotes residuais de anos anteriores, as restituições sobem para R$ 2,2 bilhões no lote deste mês, englobando 2,03 milhões de contribuintes, dos quais 18,6 mil são idosos e 2,3 mil possuem alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave (no valor de R$ 82,5 milhões).

Veja o calendário dos próximos pagamentos das restituições do IR 2014:
- 6° lote, em 17 de novembro de 2014
- 7° lote, em 15 de dezembro de 2014
*Fonte: Globo

HOSPITAL ESPANHOL CONTINUA SEM DEFINIÇÕES

A crise no Hospital Espanhol continua. Agora a pauta em questão é a definição do novo gestor do Hospital deve virar mais um capítulo nesta semana sem definição. Pela estimativa do presidente da Real Sociedade Espanhola, Demétrio Moreira, só na próxima semana deve haver a confirmação de quem vai assumir o hospital, que enfrenta a pior crise da história, com dívidas que passam de R$ 200 milhões. 

No início de setembro, a unidade fechou as portas para atendimento e foi transformada em entidade de utilidade pública para fins de desapropriação, o que determina que o Espanhol seja reaberto como o mesmo fim. "Acredito que na próxima semana a gente já tenha uma definição. É muito difícil essa negociação", disse Demétrio Moreira em entrevista ao Bahia Notícias. 
O presidente da RSE diz que ainda recebe e analisa propostas de empresas que querem assumir a gestão da unidade, mas mantém postura cautelosa. “Eu não digo sim nem não”, diz Moreira. Segundo ele, oito empresas já procuraram a mantenedora para negociações, mas a melhor proposta ainda é de uma empresa nacional. Ainda segundo Moreira, os únicos atendimentos no local são feitos em consultórios médicos que atendem em uma carga de 50%. 
Os pacientes que faziam hemodiálise já foram todos transferidos.
 *Fonte: BN 

CELULARES DA BAHIA TERÃO 9 DÍGITOS

Assim como vem acontecendo em diversos estados brasileiros, na Bahia também deve ser feito a implementação do nono dígito nos números de celulares até o final de dezembro de 2015, segundo informações da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), obtidas na tarde desta quinta-feira (9).


A medida, que já foi implementada no Espírito Santo, Rio de Janeiro e São Paulo, tem como objetivo ampliar os recursos de numeração para o serviço móvel pessoal.
"Ainda não tem uma data específica para começar. Quando chegar o período de implementação, a pessoa vai fazer uma ligação usando oito dígitos e recebe uma orientação dizendo que vai haver mudança. Essa colocação é feita para aumentar a quantidade de números disponíveis para atender a demanda da telefonia móvel", informou José Mauro Castro, assessor técnico regional da Anatel. 

A partir da mudança, o dígito nove será acrescentado à esquerda dos atuais números de celular, que passarão a ter o seguinte formato: 9xxxx-xxxx. No momento da discagem, o nono dígito deverá ser acrescentado por todos os usuários de telefone fixo e móvel que liguem para telefones móveis do estado, independentemente do local de origem da chamada.

*Fonte: G1/Ba